Ápio Garcia

Ápio Garcia teria começado na Ideal Rádio (Porto), dentro dos Emissores do Norte Reunidos, estrutura aproximada aos Emissores Associados de Lisboa.

Caro Eça O Gato, um antigo radialista, que não escrevo aqui o nome, contava-me a história desse homem incrível, que tinha um programa diário Jornal da Cidade: “Ele fazia programas que eram completamente diferentes de todos os outros. Aquele era um programa noticioso: fazia notícias daqui da cidade e depois encaixava uma notícia das Fábricas Caetano, compondo aquilo de uma maneira muito peculiar – ele comercializava o nome das pessoas. Por exemplo, das Fábricas Caetano, ele contava a história do António Manuel Caetano – “Um dia, em pequenino, ele veio do Norte para Lisboa, e começou a trabalhar nas obras (…) e depois atirou-se de coração e braços abertos às obras públicas e começou a construir um hospital (…)” – e terminava em apoteose”.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Pesquisar OpenEdition Search

Você sera redirecionado para OpenEdition Search